You are here: Home Notícias de Carrossel Publicada portaria que estabelece critérios para classificação da DAU
Document Actions

Publicada portaria que estabelece critérios para classificação da DAU

14-06-2017 19:39  —  130712 visualizações
Publicada portaria que estabelece critérios para classificação da DAU

Comunicação PGFN

Medida instituiu também o Grupo Permanente de Classificação dos créditos inscritos em DAU

O Ministério da Fazenda (MF) publicou no Diário Oficial da União (DOU) da última terça-feira (13) a Portaria MF nº 293 de 12 de junho de 2017, que estabelece os critérios para classificação dos créditos inscritos em Dívida Ativa da União (DAU). Além disso, a medida institui o Grupo Permanente de Classificação dos créditos inscritos em DAU (GPCLAS), que será de competência da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN).

No texto é elencado o que será considerado devedor e grupo de devedores e quais os conceitos de endividamento total, índice geral de recuperabilidade (IGR), rating, ativo contingente, ajustes para perdas da DAU e sistema de rating bidimensional.

Esse sistema de rating bidimensional será composto por duas variáveis: uma relativa aos créditos inscritos em DAU (V-Deb), que abarcará a suficiência e liquidez das garantias e os parcelamentos ativos. E outra relativa aos devedores inscritos em DAU (V-Dev), composta pela capacidade de pagamento, pelo endividamento total e pelo histórico de adimplemento.

A partir do resultado da análise bidimensional das variáveis V-Deb e V-Dev será calculado o índice geral de recuperabilidade (IGR) do devedor. Para ser calculado o IGR do grupo de devedores será considerada a média ponderada, em relação ao endividamento total, dos valores correspondentes à variável V-Dev de cada devedor.

Feito isso, os créditos inscritos em DAU serão classificados em ordem decrescente de recuperabilidade, observando as seguintes classes: A: créditos com alta perspectiva de recuperação; B: créditos com média perspectiva de recuperação; C: créditos com baixa perspectiva de recuperação; e D: créditos considerados irrecuperáveis.

Serão classificados no grupo “D”, independente do IGR, os créditos dos devedores pessoa jurídica a depender da situação cadastral do CNPJ, conforme listados no inciso I do artigo 11º desta portaria; os débitos inscritos há mais de 15 anos, sem anotação atual de parcelamento ou garantia; dívidas de pessoas jurídicas com indicativo de falência decretada ou recuperação judicial deferida; débitos de pessoas físicas com indicativo de óbito; e os créditos com anotação de suspensão de exigibilidade por decisão judicial.

Navigation
Unidades e Responsáveis
Mapa do Brasil Paraíba Pernambuco Alagoas Sergipe Rio Grande do Norte Ceará Bahia Espírito Santo Rio de Janeiro São Paulo Minas Gerais Paraná Santa Catarina Rio Grande do Sul Distrito Federal Goiás Mato Grosso do Sul Mato Grosso Rondônia Acre Amazonas Roraima Pará Tocantins Manaus Amapá Piauí